Portugal

Um Mercado por explorar

Comments (1)
  1. wacfwaef diz:

    Este artigo é muito interessante e vai de encontro com as ideologias que tenho sobre o mercado nos clubes ditos “não grandes”.

    Quanto aos valores de mercado, fazendo parte da equipa do transfermarkt.pt, posso dizer que concordo quando afirma que os valores de mercado não garantem o potencial e qualidade do jogador, mas é um indicador relativo e quantitativo, tendo em conta o desempenho, o clube, a idade e muitas outras variantes que vão se tornando mais facilmente conhecidas e com o qual a avaliação se possa tornar mais exata.

    Contudo, há variáveis com impossível previsão que levam à diferença entre o valor de mercado e valor de negócio como a valorização que o agente dá e que ambos os clubes dão (vendedor e o interessado em contratar) para que todos cheguem a acordo.

    Quanto aos jogadores das respetivas equipas, tenho a dizer que há planteis com bastante qualidade e cada vez mais com jogadores formados em Portugal pelo meio desses planteis. O sucesso de Portugal nos escalões inferiores tem levado a que haja uma aposta nos jogadores que são “dispensados” ou emprestados pelas equipas de maior dimensão.

    Já agora, o Jorginho foi para o Saint-Étienne num empréstimo com opção de compra obrigatória de 1M € e é mais um caso de um jogador que foi por um valor superior ao seu valor de mercado (800m € nesta altura).

Entre na discussão